Como instalar o Windows 7/8/8.1/10 a partir de um pendrive? (Atualizado)

Existem vários motivos para que você queira fazer isto. Pode ser por quê o computador não tenha drive de DVD, pode ser por quê um pendrive é mais rápido que o DVD ou pode ser simplesmente por quê você não tem ou não quer queimar um DVD virgem (caso tenha uma ISO, por exemplo), dentre outros.

Na verdade o processo é tão simples que você nunca mais vai querer usar o DVD de instalação do Windows. O único requisito é que o Pendrive tenha 4GB ou mais (obviamente). Acompanhe os passos:

Continue lendo

Anúncios

Dica: Onde ficam os atalhos dos programas fixados da Barra de Tarefas e no Menu Iniciar do Windows 7?

Dica que pode ser útil ao gerenciar o Windows, criar um instalador para uma aplicação ou por curiosidade mesmo. Os itens “fixados” na Barra de Tarefas ou no Menu Iniciar nada mais são que atalhos nas seguintes localidades, respectivamente:

%userprofile%\AppData\Roaming\Microsoft\Internet Explorer\Quick Launch\User Pinned\TaskBar
%userprofile%\AppData\Roaming\Microsoft\Internet Explorer\Quick Launch\User Pinned\StartMenu

Então se, por exemplo, você quiser que sua aplicação fique “fixada” em algum destes lugares, basta adicionar algum código ao seu script de instalação que crie um atalho nessas localidades. A exemplo disso temos os Firefox 4 que já fica “fixado” na Barra de Tarefas logo depois da instalação.

Windows 32 ou 64 bits? Qual usar?

Acredito que a grande maioria dos usuários de Windows não saiba que esta diferença existe, mas se você está na dúvida sobre qual destas versões deve usar, talvez alguns esclarecimentos o ajude.

Como tudo começou…

Até pouco tempo atrás (< 2003) os computadores domésticos (vou me focar na versão cliente e não na servidor, ok?) utilizavam processadores de 32 bits (x86), o que implicava que os Sistemas Operacionais deveriam ser de 32 bits e, até então, a versão cliente do Windows só existia para esta arquitetura. Com o surgimento dos processadores 64 bits (x64) deu-se início ao desenvolvimento das versões 64 bits do Windows. Nesta época, a versão “corrente” do Windows era o “Windows XP”. Então a Microsoft desenvolveu o “Windows XP 64 bits Edition” para dar início a esta transição. O que poucos desta geração (a qual faço parte) sabem é que já aconteceu uma transição desta quando os processadores passaram de 16 para 32 bits. O que não sei dizer é se as pessoas daquela época passaram por este dilema (Usar SO 16 ou 32 bits?).

Continue lendo