Qual é o melhor Anti-vírus?

Esta é uma das questões que sempre impulsiona longas discussões entre o pessoal de TI, e as vezes entre os usuários mais comuns. O fato é que raramente alguém usa argumentos que possam ser decisivos ou definitivos. E é isto que vou tentar fazer neste post.

Basicamente, usei como referência testes comparativos feitos por uma entidade Independente (a AV-Comparatives.org).

Um ponto que levei em consideração é que não se deve prender ao termo MELHOR de forma genérica. Cada produto pode ser o melhor em determinado quesito, e é como a AV-Comparatives.org divide seus testes. O que farei aqui é mostrar esses resultados de forma mais objetiva, mais fácil de ler, e mostrar em quais casos que resultado pode significar ser ou não ser o melhor, ou seja, qual é o melhor anti-vírus para qual situação.

Vamos aos resultados:

Melhor detecção sob Demanda

O que significa?

Significa que nos testes estes foram os melhores antivírus quando solicitada uma verificação do tipo “demanda”, ou seja, quando solicitamos, por exemplo, um escaneamento de um drive físico inteiro, ou uma pasta, ou mesmo um sistema inteiro. Em outras palavras: é o que mais detecta Malwares em disco.

Quais foram os resultados?

O teste baseia-se em simplesmente escanear um sistema de arquivos preparado com uma quantidade conhecida de Malwares. Diz-se melhor no teste o antivírus que menos perder amostras, veja os resultados:

Gráfico das amostras perdidas (menor é melhor)

O relatório completo pode ser visto aqui.

Neste quesito:

  • Melhor Antivírus Pago: G-DATA (1º colocado)
  • Melhor Antivírus Gratuito¹: Avira (2º colocado)

Quando é MELHOR?

Este tipo de situação é mais do tipo em que não procuramos proteção em si, mas sim desinfectar um sistema de arquivos. Apesar disto, deve-se levar em conta que um produto que tem maior capacidade de detecção sob demanda também terá boa detecção no tipo “Real-time” (tempo real) quando esta não depender de interação do usuário para uma possível infecção.

Estas características são de pessoas com bom nível de conhecimento em TI que dificilmente seriam “enganados” por falsos softwares ou por engenharia social.

Um software desta categoria também seria bem aproveitado em servidores de arquivos, onde, geralmente, o tipo de escaneamento é sob demanda.

Em empresas ou instituições o uso deste tipo de software também seria muito bem aproveitado se ela fizer uso de outros artifícios auxiliares como primeira linha de defesa como, por exemplo, o uso de servidores proxy para filtrar conteúdo e um firewall para impedir ameaças.

Melhor atuação no “Mundo Real”

O que significa?

Significa que software passou por vários testes que juntos simulam situações reais que incluem a influência que o usuário pode ter (ou não) nos resultados.

Quais foram os resultados?

O Resultado baseia-se em um série de testes que incluem, por exemplo, o nível de detecção, dependência de intervenção do usuário para infecção e falsos-positivos. Uma compilação dos resultados pode ser vista no gráfico abaixo:

Gráfico Geral do Nível de Proteção

O relatório completo pode ser visto aqui.

Neste quesito:

  • Melhor Antivírus Pago: BitDefender (1º colocado)
  • Melhor Antivírus Gratuito¹: Avira (8º colocado)
  • Melhor Antivírus Gratuito¹ (desprezando falsos-positivos e a intervenção do usuário): Avast! (13º colocado)

Quando é MELHOR?

Como os testes deste quesito são testes de propósitos gerais, é sensato dizer que o melhor neste quesito é o melhor para situações em geral, quando o usuário utiliza o computador para propósitos gerais. Exemplo disto é o uso doméstico, onde raramente existe uma primeira barreira de proteção como um firewall e onde os dados manipulados não são tão sensíveis.

Melhor relação de Performance

O que significa?

Os testes deste quesito avaliam a eficiência dos software em diversas operações como velocidade de escaneamento, velocidade de cópia e até mesmo velocidade de transferência de arquivos. Em suma, ser o melhor neste quesito significa que o software cumpre suas funções com maior eficiência, não desperdiçando recursos do sistema.

Quais foram os resultados?

Os testes foram feitos com base em sistemas de Benchmark onde é dada a pontuação 100 ao computador sem antivírus e avaliado a partir daí, ou seja, o software antivírus irá impactar de alguma forma durante o seu funcionamento e fará com que a pontuação de 100 baixe. Veja os resultados:

O relatório completo pode ser visto aqui.

Neste quesito:

  • Melhor Antivírus Pago: WebRoot (1º colocado)
  • Melhor Antivírus Gratuito¹: Avast! (2º colocado)

Quando é MELHOR?

Como a função principal de um software antivírus é detectar e prevenir infecções por vírus, ter uma boa performance limita a lista de situações onde ele pode ser considerado o melhor. De forma superficial, só será relevante o uso de softwares assim quando a performance geral do sistema for mais importante que a segurança do mesmo. Como exemplo podemos imaginar a situação onde são usados vários processadores de imagem e vídeo em um sistema, mas que arquivos importantes são armazenados em outra localidade protegida. Estes sistemas precisarão do mínimo de segurança sem que isto atrapalhe a performance geral do sistema. Mas situações como esta são difíceis de acontecer.

Este teste tem mais serventia se usado em conjunto com os anteriores, como um fator de desempate ou algo do gênero.

Considerações finais

Existe também a questão das funcionalidades de cada produto. Sendo o mais objetivo possível e sem muitos rodeios: Estas funcionalidades, quase sempre, não se aplicam à usuários comuns, domésticos. Além de não serem utilizadas, estas funcionalidades, em sua maioria, tem grande impacto na performance geral do sistema. Claro que há exceções, mas no geral esta regra se aplica.

Quando não aplicado à regra anterior, tais funcionalidades são bem específicas de cada empresa ou instituição e a maioria destas funcionalidades são implementadas, de uma forma ou de outra, pelas soluções de segurança. O quê acaba fazendo com que o fator decisivo na escolha seja um dos quesitos avaliados acima.

O cenário apresentado aqui está sempre mudando. A cada certo intervalo de tempo a AV-Comparatives.org atualiza seus relatórios. Assim, vale a pena dar uma conferida neles de vez em quando!

Além disto, faça sempre uma pesquisa antes de escolher, principalmente no caso de soluções pagas. Talvez a melhor solução do momento não tenha a mesma confiabilidade de que outra que está a anos no mercado. Releve, avalie… Existem outras entidades que fazem testes como este. Compare!

Uma última dica

Pra quem é muito minucioso e quer testar qual solução responde melhor à um determinado malware/teste use o VirusTotal. Ele é um serviço que testa seu arquivo em várias soluções antivírus.

___
¹ Possuí versão gratuita e ela se aplica ao teste.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s